Qual o risco das receitas caseiras para clarear dentes?

Na internet, você já deve ter visto receitas caseiras que prometem dentes mais brancos ou, ainda, a remoção do tártaro. Porém, será que elas são mesmo seguras e deveriam ser recomendadas?

A cirurgiã-dentista Adriana Oliveira Carvalho, professora da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, esclarece algumas das dúvidas mais comuns:

Estas receitas caseiras trazem algum problema à saúde?

Por mais simples que sejam, elas são, muitas vezes, mais perigosas do que parecem. Podem resolver uma situação momentaneamente, mas causam outros sérios problemas para o resto da vida.

Receitas caseiras com bicarbonato de sódio, carvão, morango, casca de banana, suco de limão e casca de laranja não têm potencial clareador. Na verdade, elas levam substâncias abrasivas ou corrosivas em sua composição, que removem a camada superficial da estrutura dental.

No caso do bicarbonato de sódio, o atrito ou a fricção com a superfície do dente elimina as manchas externas, deixando uma aparência mais limpa, mas não mais branca. Ele é um abrasivo altamente potente e torna o esmalte do dente mais poroso e enfraquecido. Pode-se comparar a sua ação ao ato de “arear uma panela”: ela clareia porque sua superfície externa foi desgastada por meio de um polimento.

O uso do sumo do limão ou casca de laranja – cujo pH é muito ácido – causa uma erosão (isto é, corrói os dentes) e provoca reações de hipersensibilidade.

Podemos utilizar produtos caseiros? Quais cuidados devemos ter?

Não é recomendado utilizar produtos caseiros para clareamento dental. Para os pacientes que desejam eliminar o desconforto dos dentes amarelados, indico que procurem pelo seu cirurgião-dentista para um procedimento seguro, eficiente e duradouro.

É fundamental seguir a orientação deste profissional, que acompanhará o clareamento dos dentes do início ao fim. Não recomenda-se adquirir produtos de clareamento em farmácias e drogarias, pois eles não têm a mesma eficiência daqueles usados em consultórios e, ainda, podem causar efeitos indesejados, como a sensibilidade pós-operatória ou nenhum resultado clareador aparente.

O clareamento dental enfraquece os dentes?

Isso é um mito. Há uma infinidade de artigos científicos evidenciando que o esmalte e a dentina não são afetados negativamente, desde que o procedimento seja realizado da forma correta. A técnica de clareamento com moldeira e gel está consagrada desde os anos 80 e não leva a nenhum tipo de enfraquecimento dos dentes.

Como saber o que é mito ou verdade nesses casos?

Conversando com o seu cirurgião-dentista. Ele é a pessoa mais apta a esclarecer essas dúvidas.

Inscreva-se em nosso site

e receba nossos conteúdos periodicamente em seu e-mail

Cadastrar-se